Prefeitura municipal de Lagoa do Barro realizará I seminário de medidas socioeducativas em meio aberto

No dia 27 de junho, a Prefeitura municipal de Lagoa do Barro do Piauí, através da Secretaria Municipal de Assistência social, Cidadania e Trabalho e da Rede de Proteção a Criança e Adolescente, realizará o I Seminário de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto, com o tema: Conhecer para aprimorar. O evento acontecerá na Câmara Municipal. 

O objetivo é  dar inicio a elaboração do Plano Municipal de Medidas Socioeducativas em meio aberto, que visa organizar as ações direcionadas aos adolescentes que, por ventura, virão a cumprir alguma medida socioeducativa em meio aberto. 
A iniciativa partiu de uma recomendação do Ministério Público e está sendo expedida a todos os municípios do Estado do Piauí. De acordo com a secretária de assistência social, cidadania e trabalho, Simone Coelho, um prazo foi estipulado para que o plano fosse elaborado. "Nos foi dado um prazo para que elaborassemos e é importante frisar que não basta elaborar, é necessário criar toda a estrutura básica para que possamos colocá-lo em prática. E é exatamente visando essa organização e com intuito de construirmos um Plano de acordo com nossa realidade, que iremos realizar o I Seminário de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto, porque queremos ouvir toda a Rede de Proteção que trabalha com o público de Crianças e Adolescentes, para sabermos, de fato, o que temos e em que devemos frisar mais em nossas ações", disse Simone Coelho. 

Simone afirma ainda que é importante a construção conjunta do Plano. "Acredito muito na importância de construirmos juntos, ouvindo quem, de fato, está na ponta, no dia a dia, porque não adianta trazer um Plano pronto que não condiz com nossa realidade, por isso, conclamo toda a Rede de Proteção e todas as pessoas interessadas nas ações direcionadas à proteção de nossas Crianças e Adolescentes, a participar conosco e nos ajudar a construirmos o Plano Municipal de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto", acrescentou Simone Coelho, secretária municipal de assistência social, cidadania e trabalho.

Confira a programação: 
08h00 - Abertura - Acolhida;
08h30 - Formação de Mesa (palestra magna)
              Adolescente ator de um ato infracional e as medidas socioeducativas : Aspectos legais com o olhar da SINASE.
09h30 -  1° Mesa redonda: Construção do cenário sócio assistencial do município -  atenção da rede de atendimento e fluxo na atuação ao adolescente autor de ato infracional.
10h30 - Lanches 
10h50 - 2ª Mesa Redonda: Representantes do conselho Tutelar, Ministério Público, Delegacia de Polícia ou Guarnição. CREAS.